15 tratamentos para lombalgia

15 tratamentos para lombalgia

A dor nas costas é um sintoma muito comum e frequente na população e pode atingir pessoas de todas as idades, até mesmo crianças e adolescentes. Mas ela não é sinônimo de lombalgia, muitas vezes sendo apenas um sintoma de cansaço e de outras causas que desaparecem mais rapidamente.

Definida como uma dor localizada na região lombar, a lombalgia indica um problema mais grave como a ciática, causando dor, formigamentos, desconforto e incapacidade motora. Má postura, obesidade e excesso de atividades físicas são causas comuns do problema, que pode ser curado rapidamente ou ser o início de outras doenças.

Causas e sintomas da lombalgia

A lombalgia pode se desenvolver a partir de uma série de causas e fatores de risco, que ampliam seus sintomas e consequências quando unidos a outros problemas de saúde. As principais causas são má postura, traumas, esforço repetitivo, sedentarismo, condicionamento físico errado, osteoporose, problemas emocionais, hérnia de disco, dor ciática, degeneração discal, espondilolistese, síndrome do piriforme e síndrome dolorosa miofacial.

O problema atinge igualmente homens e mulheres, com fatores de risco para pessoas que carregam peso excessivo e obesos. Outras torções musculares podem também afetar a região lombar.

Além da dor intensa nas costas, os sintomas da lombalgia são dor nos quadris, coxas e virilhas, tensão maior nos músculos das costas, dificuldade de permanecer deitado, sentado ou em pé por muito tempo e irradiação da dor, com formigamento e queimação.

Tratamentos para lombalgia

As crises de lombalgia podem se resolver mais rapidamente, de acordo com a sua causa e com a agilidade do paciente para buscar o tratamento. Em geral, 90% das crises são superadas em seis semanas, mas 60% dos pacientes podem voltar a apresentar o problema.

A maioria das lombalgias é aguda e mecânica, com curto prazo de duração e causada por alterações posturais, contraturas ou degeneração. A cura da lombalgia subaguda dura em média até 12 semanas; já a crônica não tem tempo máximo de duração, podendo se estender por muito tempo e ser necessária uma ação mais contundente.

Os tratamentos para a lombalgia são orientados pelo médico, de acordo com a intensidade e gravidade do problema. Listamos abaixo 15 tratamentos mais recorrentes, que devem ser indicados por um médico para aliviar e/ou tratar os sintomas:

1 – Bolsas de água quente no local;

2 – Massagem

3 – Alongamentos;

4 – Remédios como analgésicos, anti-inflamatórios e para contração muscular;

5 – Repouso, para evitar movimentos bruscos e repetitivos;

6 – Acupuntura;

7 – RPG;

8 – Pilates;

9 – Evitar carregar mochilas pesadas;

10 – Mudar a posição de dormir;

11 – Reavaliar o tipo de colchão;

12 – Mudar a postura para levantar da cama, caminhar, sentar etc.;

13 – Usar sapatos mais confortáveis e com salto mais adequado ao peso do corpo;

14 – Fisioterapia;

15 – Cirurgia.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como ortopedista em São Luís!

O post 15 tratamentos para lombalgia apareceu primeiro em Ortopedista em São Luis | Dr. Henrique Rios.

Olá! bem vindo ao nosso atendimento via Whatsapp. Como podemos ajuda-lo(a)?
Powered by